O futebol de Deus

lee

Conheça o testemunho da Lee Andria, da célula da Flávia e jogadora da família Rede Jovem.

Sempre amei jogar futebol. Dediquei bastante tempo da minha vida para isso, treinei desde pequena, e o futebol era o maior prazer que eu tinha na minha vida! Não existiam times femininos quando eu era menor, por isso treinava no Coritiba com os meninos, além disso eu sofria muita discriminação pela prática do esporte, afinal para a sociedade, futebol é “coisa de homem”.

A discriminação era tanta que aos 12 anos resolvi enterrar meus sonhos e abandonar o esporte. Na época eu treinava pelo clube Novo Mundo (time que representa o Paraná na Copa do Brasil) e resolvi sair para jogar vôlei, porque tinha em mente que vôlei era considerado pela sociedade um esporte feminino.

Passei por um tempo bem difícil, pois estava treinando algo que não era meu sonho. Fiquei sem jogar futebol por cinco anos, mas voltei a treinar no início do ano passado na faculdade. Como eu tenho problemas respiratórios (bronquite), eu não tinha resultados bons, e isso fez com que meu treinador me dispensasse. Aí então orei e falei que eu não aguentava mais tudo isso. Deus começou um processo de restauração sobre minha vida e, principalmente, nos meus sonhos. Na metade do ano passado, voltei para o Novo Mundo, fui campeã do Metropolitano, ganhava dinheiro por jogo, participei da famosa Copa do Brasil, fiz uma seletiva para ir aos EUA, fiz seletiva para a Seleção Brasileira e fui considerada a atleta revelação do clube em 2008. Meu nome saiu no jornal, e fui muito reconhecida. Porém, isso começou a tirar minha atenção de Deus. Era para eu ter ido jogar nos EUA em julho desse ano, mas Deus me pediu essa viagem e eu não senti paz em partir. Entendi que Ele quer que eu utilize esse dom para a Glória Dele e não para a minha.

Esse ano, meu treinador do Novo Mundo foi mandado embora e o treinador que entrou no lugar foi justamente aquele que havia me dispensado na faculdade. Dei meu melhor nos treinos e mesmo assim ele novamente me dispensou. Fiquei em choque, até porque o Novo Mundo estava na chave do Santos (time da Marta) e era meu sonho jogar contra ela, porém sabia que Deus tinha algo maior para mim.

Deus começou a colocar os sonhos Dele em meu coração e novamente me levantou. Ele me disse que quer que eu use meus talentos para a Glória Dele, para que pessoas venham até sua presença e conheçam sua Salvação.

Resolvemos fazer a Holy League feminina, projeto que estava em meu coração há dois anos. No dia do primeiro jogo eu trouxe uma visita da minha faculdade, ela aceitou Jesus, foi extremamente impactada, orei com ela, abençoei, e ela falou para mim que eu transformava a vida dela, e que ela não sabia explicar o que era. Eu sei! Jesus reina em mim! E através do futebol, muitas e muitas pessoas – como essa minha amiga – chegarão até Sua presença! E eu quero utilizar meu futebol para isso! Para que o nome de Deus seja exaltado e não o meu! Ver uma vida sendo salva é muito mais gratificante e prazeroso do que você golear um time de 10 a zero. Principalmente quando a pessoa vê diferença na sua vida e chega até Jesus por meio de algo que você é usado. Nesse caso o futebol. Mas quero animar vocês a usarem o que vocês sabem fazer de melhor para que seus amigos e família venham até Jesus. Não perca oportunidades! Deus é quem as prepara para você!

Tags: , ,

10 comentários para “O futebol de Deus”

  1. Edson Leal disse:

    Glória a Deus por sua vida!
    Eu também gosto muito de futebol, tanto que jogo. E começamos a pouco tempo um time de futsal, um projeto colocado por Deus em nossos corações. Fico feliz e animado por esse testemunho. E acredito que o Deus vai fazer através de nossas vidas.
    Deus te abençoe.

  2. Leozinh'O disse:

    Nossa muitoo muitooo muitooo massa teu testemunho !
    Deus te abençooee *-*

  3. Gisely disse:

    Que o SENHOR sempre abençoe você e seu ministério

  4. Marlize disse:

    Oii, tudo bem??
    Não te conheço mas gostei de vc!! Afinal, temos 2 paixões em comum: Jesus e o futebol!! Sempre joguei tbém desde pequena mas, como eu morava no interior é mais difícil encontrar um time pra treinar e tal…mas eu sempre competia em campeonatos na minha pequena cidade. Era muito bom porém, qdo mudei pra Curitiba senti muita falta de pessoas interessadas em montar um time. Até encontrei, chegamos formar um time com meninas da célula mas, não durou muito tempo (elas não aguentarem). Gostaria muito de ter o seu contato pois, não quero deixar essa minha paixão morrer!
    Bjos

  5. Gill disse:

    Parabens Lee, alcancei mais um pouco de conhecimento através do seu testemunho, que Deus continue te abençoando e quevc possa continuar dando frutos para edificação da igreja.

  6. LEANDRO CROCETTI disse:

    LEE!!!
    EU AGORA ENTENDI O PORQUE VC FEZ E DEIXOU DE FAZER ALGUMAS COISAS NA SUA VIDA, E FOI TUDO PARA DEUS, E NAO PRA VC MESMA!!!
    QUE DEUS CONTINUE TE ABENÇOANDO, E QUE VC SEMPRE TENHA PACIENCIA COM SEU IRMAOZAO AKI… TE AMO, BEIJOS….

  7. Felipe disse:

    É isso ai Lee…

    Muito bom o Testemunho…Parabéns

    Que em tudo Jesus seja Glorificado…

    e não poderia faltar…

    Vaiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii Martaaaa hahahahaha

    Deus abençoe….

  8. Lari Toyonaga disse:

    Puxa Lee, que testemunho edificante!
    É muito bom ver Deus te usando e usando os seus dons.
    me enche de orgulho! 😀 hihi
    Amo você! (:

  9. Lee disse:

    Lembrando que Deus não quer somente Martas no futebol! Ele quer Marias! 😉

  10. Adri disse:

    É isso mesmo!!Deus…não espera pesoas perfeitas,mas sim pessoas que querem usar o dom que Ele mesmo deu,para a expansão do Seu Reino!!!!Estamos juntos!!!

Deixe um comentário